Atualidade

COP 25 contará com uma “zona verde” para propostas da sociedade civil

A 25ª Conferência das Partes da Convenção Marco das Nações Unidas sobre a Mudança climática (COP25), presidida pelo Chile e com a Espanha como país anfitrião, celebra-se em Madri entre os dias 2 e 13 de dezembro, e contará com uma zona especial para a sociedade civil para mostrar seus compromissos com a ação climática.

Trata-se, segundo a organização, de “uma oportunidade para mobilizar as organizações, empresas e administrações públicas em torno à sustentabilidade e a luta frente a mudança climática”.

A celebração da Cúpula representa 15 dias de ação climática em Madri. Celebra-se no recinto do IFEMA – Feria de Madrid, ocupando um total de sete pavilhões, que significam mais de 100.000 metros quadrados, assim como um espaço adicional de uns 13.000 metros quadrados da área de congressos e o eixo Castellana Verde, sobre o qual serão realizados eventos paralelos.

      Um espaço para o diálogo

Em paralelo à Zona Azul, espaço administrado pelas Nações Unidas e no qual terão lugar as sessões de negociação da COP25, dispõe-se da Zona Verde, de uns 3.000 m2, um espaço cidadão de encontro e conscientização meio ambiental, aberto durante toda a conferência.

Na Zona Verde abre-se um espaço na Cúpula do Clima para que a sociedade possa se expressar de forma interativa, participativa e inclusiva gerando conteúdo com respeito à ação climática.

Para fomentar a máxima participação foi criado um espaço aberto para o diálogo, a sensibilização e a toma de decisões partilhadas e foram projetadas diferentes vias participativas que impliquem governos locais, instituições públicas e privadas, administrações, empreendedores, ONGs, empresas, universidades, povos indígenas e jovens.

Desta maneira, dividir-se-á em diferentes áreas que incluem um espaço dedicado aos jovens, outro dedicado às comunidades indígenas, uma terceira zona para a inovação e a ciência, e um espaço para organizações da sociedade civil, entre outros.

Junto a estes espaços, também terão cabida na zona verde as propostas de ação pelo clima do mundo empresarial e um espaço para a apresentação e debate de iniciativas aos dois lados do Atlântico.

Igualmente, no eixo Castellana Verde, os organismos públicos como a Secretaria-Geral Ibero-americana (SEGIB) realizarão eventos paralelos sempre baseados na temática da COP25. Será um espaço no qual todas as instituições públicas e privadas que desejem, e que tenham sede, preferivelmente, no Paseo de la Castellana, se somarão a esta grande mobilização em defesa do clima realizando ações em sua sede relacionadas com a temática da COP, funcionando como o eixo catalizador da ação cultural e cidadã pelo clima.

Finalmente, no resto da Espanha serão realizados eventos paralelos de Ação Climática, atividades emolduradas no âmbito amplo de celebração e conscientização da Cúpula do Clima que serão realizadas em qualquer localização da Espanha.

categorías:

Atualidade Cambio Climático


Solicitamos su permiso para obtener datos estadísticos de su navegación en esta web. Si continúa navegando consideramos que acepta el uso de cookies. Aceptar | Más información
Recibe una alerta cuando esté disponible un nuevo especial temático sobre la cooperación en Iberoamérica en nuestro portal somosiberoamerica.org
* campo requerido
Idioma

Secretaría General Iberoamericana usará la información que nos proporciones en este formulario para estar enviarte actualizaciones del portal Somos Iberoamérica e información relacionada.

Puedes darte de baja en cualquier momento haciendo click en el enlace del pie de nuestros emails.

We use Mailchimp as our marketing platform. By clicking below to subscribe, you acknowledge that your information will be transferred to Mailchimp for processing. Learn more about Mailchimp's privacy practices here.